Exemplos | Fundamentos | Arduino Hacker | Recursos externos


Exemplos

Veja a página de fundamentos para uma descrição aprofundada dos conceitos principais do hardware e software Arduino. Veja a página do(a) Arduino Hacker para obter informações acerca de como estender e modificar o software e hardware Arduino. Consulte a página de recursos externos para obter documentação extra.

O básico

  • Pisca-pisca: ligue e desligue um LED.
  • Pisca-pisca sem delay: pisque um LED sem usar a função delay().
  • Botão: use um interruptor momentâneo para controlar um LED.
  • Botão sem ruído: obtenha o estado de um interruptor sem o seu ruído típico.
  • Laço: controle múltiplos LEDs com um laço e uma matriz.

Entrada e saída analógica

  • ADXL3xx: obtenha o estado de um acelerômetro modelo ADXL3xx.
  • Entrada analógica: use um potenciômetro para controlar o piscar de um LED.
  • Dimmer: use uma saída analógica PWM para controlar o brilho de um LED.
  • Toc-toc: detecte a chegada de um visitante à porta com um elemento piezoelétrico.
  • Tirando a média: leia continuamente uma entrada analógica e calcule a média móvel.

Comunicação

Os exemplos a seguir vêm acompanhado de código-fonte que permite ao Arduino a comunicar-se com esboços Processing a rodar/correr no computador. Mais informações ou sobre a forma de baixar o Processing, ver http://processing.org .

  • Tabela ASCII: demonstra as funções de saída avançadas do Arduino.
  • Dimmer: mova o mouse/rato para alterar o brilho de um LED.
  • Gráfico: envie dados ao computador e obtenha o gráfico com Processing.
  • Physical Pixel: ligue e desligue um LED por meio do envio de dados a partir do computador, com Processing.
  • Misturador de cores virtual: envie múltiplos valores do Arduino para o seu computador.

Bibliotecas

Abaixo estão alguns exemplos de uso das bibliotecas que acompanham o software Arduino.

EEPROM

  • Apagar EEPROM: apague os dados de uma EEPROM.
  • Ler EEPROM: extraia dados da EEPROM e envie-os ao computador.
  • Gravar EEPROM: registre os dados de uma entrada analógico dentro de uma EEPROM.

Servo

  • Reostato: controle a velocidade angular de um servomotor via potenciômetro.
  • Frente-ré: alterne intermitentemente o sentido de rotação de um servomotor.

Stepper

  • Reostato: controle a velocidade angular de um motor de passo via potenciômetro.

Outros exemplos

Os exemplos a seguir são algo mais complexos e específicos para componentes eletrônicos particulares ou para realizar certas tarefas.

Variedades

Temporização

Sensores complexos

Sonorização

Interface com hardware

Share